Economia do Maranhão é a 4ª que mais cresce no Brasil, diz IBGE


O Maranhão teve o quarto maior aumento do PIB entre todos os Estados brasileiros em 2017, de acordo com informações divulgadas na manhã desta quinta-feira (14) pelo IBGE. O PIB (Produto Interno Bruto) é a soma de riquezas de um país, Estado ou cidade. Ou seja, quanto maior, melhor a economia. A cada 2 anos o IBGE divulga a lista, então os números divulgados são referentes a 2017.

À frente do Maranhão, só ficaram Rondônia (5,4%), Piauí (7,7%) e Mato Grosso (12,1%). No Nordeste, o Maranhão teve a segunda maior alta do PIB em 2017.O IBGE ainda não calculou os dados de 2018. Os PIBs estaduais são divulgados sempre dois anos depois, devido à complexidade da tabulação.O desempenho da economia maranhense também ficou bem acima da média nacional, que cresceu 1,3%.

O principal setor que puxou para cima o PIB maranhense foi o agronegócio. Boa parte da produção de grãos é transportada pelo Porto do Itaqui, que também teve forte contribuição para o resultado.

Fonte: Agência de Notícias do Maranhão


A população do Maranhão foi estimada em 7.035.055 habitantes, conforme divulgação nesta quarta-feira (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As estimativas da população para estados e municípios, com data de referência em 1º de julho de 2018 foram publicadas no "Diário Oficial da União". A população do país foi estimada em 208,5 milhões de habitantes. Em relação ao ano passado, o número de habitantes no Maranhão subiu quase 35 mil. Em São Luís a população também aumentou e agora atinge 1.094.667 pessoas. A segunda cidade mais populosa é Imperatriz, com 258.016 habitantes. Já a cidade menos populosa é Junco do Maranhão, que tem 33.506 pessoas. Confira a lista abaixo:

População maranhense em 2018: 7.035.055.

População maranhense em 2017: 7.000.229.

Sete cidades mais populosas:

São Luís: 1.094.667 habitantes.

Imperatriz: 258.016 habitantes.

São José de Ribamar: 176.321 habitantes.

Timon: 167.973 habitantes.

Caxias - 164.224 habitantes.

Codó - 122.597 habitantes.

Paço do Lumiar: 120.621 habitantes.

Sete cidades menos populosas:

Junco do Maranhão: 3.506 habitantes.

São Félix de Balsas - 4.609 habitantes.

São Pedro dos Crentes - 4.651 habitantes.

Nova Iorque - 4.683 habitantes.

Nova Colinas - 5.340 habitantes.

São Raimundo do Doca Bezerra - 5.345 habitantes.

Bacurituba - 5.617 habitantes.

Fonte: Portal G1