Óleo encontrado no RJ será analisado pela Marinha


Amostras de óleo recolhidas em 3 municípios do Rio de Janeiro foram enviadas para análise ao IEAPM (Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira) para saber se é o mesmo resíduo recolhido no litoral do Nordeste brasileiro desde o início de setembro.

Foram recolhidas amostras nas praias de Santa Clara e Guriri, no município de São Francisco de Itabapoana; e na praia do Barreto, em Macaé-RJ. Já no canal das flechas, em Quissamã, foi recolhido, aproximadamente, 1 quilo de resíduo de óleo. 

“Os materiais coletados serão encaminhados ao Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira (IEAPM) para análise e investigação da origem”, informou nota do Comando do 1º Distrito Naval.

Já as praias do município de São João da Barra, no norte fluminense estão limpas. De acordo a Marinha do Brasil, essa foi a conclusão do trabalho de limpeza realizado na região neste domingo (24.nov.2019). O Comando do 1º Distrito Naval, informou que durante o dia, militares continuaram com as ações de monitoramento e percorreram o litoral de São João da Barra.

Na 6ª feira (22.nov), o Instituto Estadual do Ambiente, vinculado à Secretaria de Estado do Ambiente e Sustentabilidade do Rio de Janeiro, foi informado sobre a presença de óleo na Praia de Grussaí, em São João da Barra. Na manhã do sábado (23.nov), o Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis) confirmou que o resíduo é o mesmo encontrado no litoral do Nordeste.

(com informações da Agência Brasil)